O que é Ansiedade?

A ansiedade é uma emoção normal do ser humano, comum ao se enfrentar algum problema no trabalho, antes de uma prova ou diante de decisões difíceis do dia a dia. No entanto, a ansiedade excessiva pode se tornar uma doença, ou melhor, um distúrbio de ansiedade.

Pessoas que sofrem de distúrbios de ansiedade sentem uma preocupação e medo extremos em situações simples da rotina, além de alguns sintomas físicos, o que atrapalha suas atividades cotidianas, já que eles são difíceis de controlar.

Por sorte, os distúrbios de ansiedade podem ser tratados. Vamos falar melhor sobre eles: os tipos, causas, sintomas, diagnóstico, tratamentos e formas de conviver melhor com o problema a seguir (1).

Relação entre medo e ansiedade

A ansiedade é algo muito próximo da preocupação. E preocupação nada mais é do que um aspecto do medo, um temor de que as coisas não saiam como nós gostaríamos. Todos esses componentes são necessários para a nossa evolução e sobrevivência; o que não pode ocorrer é um exagero de qualquer um deles.

Sintomas da ansiedade

  • Constante tensão ou nervosismo
  • Sensação de que algo ruim vai acontecer
  • Problemas de concentração
  • Medo constante
  • Descontrole sobre os pensamentos, principalmente dificuldade em esquecer o objeto de tensão
  • Preocupação exagerada em comparação com a realidade
  • Problemas para dormir
  • Irritabilidade
  • Agitação dos braços e pernas.
  • Dor ou aperto no peito e aumento das batidas do coração
  • Respiração ofegante ou falta de ar
  • Aumento do suor

Relação entre ansiedade e depressão

Muitas pessoas acreditam que ansiedade e depressão são quadros opostos como muita gente acredita, eles inclusive têm sintomas muito semelhantes, como:

  • Medos
  • Insônia
  • Insegurança
  • Dificuldades de concentração
  • Irritabilidade.

Fatores de risco

Algumas pessoas são mais propensas a terem distúrbios de ansiedade. Os principais fatores de risco são (1, 2):

  • Eventos traumáticos na infância ou mesmo vida adulta
  • Estresse relacionado a doenças físicas sérias
  • Acúmulo de estresse
  • Tipo de personalidade, já que algumas pessoas tem uma personalidade naturalmente ansiosa, como os perfeccionistas e os controladores
  • Abuso de substâncias, como álcool, cigarro e drogas ilícitas.

Diagnóstico de Ansiedade

O profissional começará investigando se há alguma causa física para sua ansiedade excessiva. Enquanto isso, ele também terá uma conversa para fazer uma análise e entender que condições podem estar levando você a ter essa ansiedade exagerada.

15 dicas práticas para controlar a ansiedade

  • Pratique atividades físicas
  • Reduza seu estresse diário
  • Experimente controlar a respiração
  • Evite pensamentos negativos
  • Invista em alimentos com triptofano
  • Tome um chá
  • Mantenha foco de atenção no presente
  • Seja mais organizado
  • Esteja com quem você ama
  • Dedique tempo para se cuidar
  • Cuide dos seus pensamentos para sorrir mais
  • Confie mais em si mesmo
  • Desenvolva congruência
  • Fortaleça o autoconhecimento
  • Cuide bem do seu momento antes de dormir.

VAMOS TRATAR?

Agende sua consulta

LIGUE GRATUITAMENTE
800 502 300

NÓS LIGAMOS PARA VOCÊ
PREENCHA SEUS DADOS

CONTACTE NOS PELO WHATSAPP

Clique aqui